Clique e assine a partir de 9,90/mês

Giro Veja: Mesmo preso, assessor de ministro continua no cargo

No Diário Oficial da União desta segunda-feira não consta demissão de funcionário

Por Da Redação - 1 jul 2019, 16h39
Mateus Von Rondon Martins, um dos assessores mais próximos do ministro do Turismo Álvaro Antônio, continua no cargo, mesmo preso desde a semana passada. Segundo o Radar, no Diário Oficial da União desta segunda-feira não consta a exoneração do funcionário. No site da pasta, o nome do assessor aparece seguido pelo aviso: “sem compromissos oficiais”.
Von Rondon foi preso em um operação da Polícia Federal, por envolvimento no suposto esquema de candidaturas “laranjas” do PSL nas eleições do ano passado.

 

Giro Veja também destaca a conclusão do inquérito, prevista para esta segunda-feira, sobre a acusação de estupro feita pela modelo Najila Trindade contra o atacante Neymar. Existem duas possibilidades: o arquivamento do caso ou o indiciamento do jogador. Neymar está de férias do Paris Saint Germain (PSG) e não joga pela seleção brasileira na Copa América por causa de uma contusão no tornozelo.
Publicidade