Clique e assine a partir de 9,90/mês

Giro Veja: Executivo da Odebrecht que delatou Aécio e Lobão é encontrado morto

A morte foi registrada como "causa indeterminada" e será investigada

Por Da Redação - Atualizado em 18 set 2019, 17h57 - Publicado em 18 set 2019, 17h23
O ex-executivo da Odebrecht que delatou Aécio Neves foi encontrado morto em seu apartamento no Rio de Janeiro. Henrique Serrano do Prado Valladares, revelou supostas propinas para o deputado federal e também para o ex-senador Edison Lobão, ex-ministro dos governos Lula e Dilma. A morte foi registrada como “causa indeterminada” e vai ser investigada pela polícia.

 

Giro Veja também destaca a articulação do governador de São Paulo, João Doria, com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, para uma reforma tributária diferente da que será apresentada pelo ministro da Economia Paulo Guedes. Doria afirmou que a proposta deve ser apresentada até amanhã no Congresso Nacional e avisou que não irá esperar pelo governo.
Publicidade