Clique e assine a partir de 8,90/mês

Giro Veja: Desmatamento da Amazônia é o maior em mais de 10 anos

O resumo das principais notícias desta segunda-feira, 18

Por Da Redação - 18 nov 2019, 20h10

O desmatamento da Amazônia cresceu 29,5% em um ano. Essa é a maior taxa desde 2008. O levantamento é do Projeto de Monitoramento do Desmatamento na Amazônia Legal por Satélite (Prodes), considerado o sistema mais preciso do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). No período de um ano, uma área de 9.762 km² da Amazônia Legal foi desmatada. A taxa representa uma alta de 29,5% ocorrida entre 1º de agosto de 2018 e 31 de julho deste ano na comparação com a mesma época dos doze meses anteriores.

 

Esse já é o terceiro pior desmatamento da história. O Prodes faz o monitoramento por satélites desde 1988, quando o desmatamento chegava a 20.000 km² por ano. A maior taxa registrada ocorreu em 1995, durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, quando atingiu o patarmar de 29.100 mil km². Depois, a taxa caiu, mas voltou a crescer nos anos 2000 chegando ao ápice de 27.772 km², em 2004, na gestão de Lula. Em 2012, sob o governo Dilma Rousseff, o sistema registrou a menor taxa de sua história – 4.571 km². A partir de então, o registrou oscilou entre 5 e 7 mil km², e voltou a crescer a partir de 2017.

Publicidade