Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Câmara dos Deputados na Argentina aprova legalização do aborto

Projeto ainda precisa ser analisado no Senado, o que ainda não tem data para acontecer

Por Da Redação 14 jun 2018, 17h18

A Câmara dos Deputados da Argentina aprovou nesta quinta-feira a legalização do aborto até a décima quarta semana de gestação. Antes, o aborto só era permitido nas mesmas situações previstas aqui no Brasil: em caso de estupro ou de risco para a vida da mãe.

Dos 128 votos necessários para a aprovação, o projeto teve 129 votos a favor e 125 contra. Houve uma abstenção. Agora, ele precisa passar pela avaliação do Senado, mas isso ainda não tem data para acontecer.

O debate no plenário da Câmara durou mais de 20 horas e foi marcado pela imprevisibilidade do resultado da votação. Na América do Sul, o aborto é legal no o Uruguai, na Guiana e na Guiana Francesa, segundo dado do World Abortion Laws.

  • Publicidade