Clique e assine a partir de 8,90/mês

Butantan inicia processo de registro da CoronaVac na Anvisa

João Doria anunciou que os primeiros documentos com dados sobre a vacina chinesa foram submetidos à agência para início do processo da análise

Por Da Redação - 2 out 2020, 20h44

Nesta sexta-feira, dois de outubro, foi a vez do estado de São Paulo encaminhar um estudo preliminar à Anvisa com objetivo de agilizar o registro da Coronavac, vacina da companhia chinesa Sinovac. Na mesma coletiva, Dimas Covas, diretor-geral do Instituto Butantan, responsável pela vacina, demonstrou preocupação com a logística de distribuição do antígeno, que deve começar a ser aplicado na população, segundo o governador João Dória, no dia 15 de dezembro.

Já a Universidade de Oxford, que prepara a vacina adquirida pelo Governo Federal, anunciou que adiou a entrega das 30 milhões de doses iniciais para o Brasil para janeiro. O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou que existe uma cláusula no contrato que permite a universidade postergar o prazo, que até então estava marcado para o meio de dezembro.

Nas últimas 24 horas, foram 33.431 novos casos de coronavírus e 708 mortes causadas pela doença, de acordo com dados do Ministério da Saúde. No total, o país acumula agora 4.880.523 infectados, 145.388 óbitos e 4.232.593 recuperados. A média móvel dos últimos sete dias é de 27.272 casos e de 693 mortes.

Leia mais sobre a pandemia de coronavírus: http://abr.ai/coronavirus-ultimas

Continua após a publicidade
Publicidade