Clique e assine a partir de 9,90/mês

Bolsonaro assina decreto que proíbe queimadas no Brasil por 60 dias

A medida é mais uma tentativa do planalto de mostrar o esforço do Brasil na preservação das florestas

Por Da Redação - 29 ago 2019, 19h13

Em decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira 29, o presidente Jair Bolsonaro determinou a proibição de queimadas em território brasileiro por sessenta dias. A medida prevê permissão para fogo controlado em algumas exceções, como agricultura de subsistência, preservação dos vegetais, combate a incêndios ou agricultura de subsistência executada por populações tradicionais e indígenas. Mas restringe autorizações do Código Florestal.

Mais uma celebridade se pronunciou sobre as queimadas na amazônia. O música Sting, um dos fundadores The Police, publicou uma carta aberta em suas redes sociais acusando o governo de Jair Bolsonaro de abrir a a Amazônia para exploração e encerra pedindo que o presidente repense suas políticas ambientais.

Ainda hoje, o presidente comemorou no Twitter o resultado positivo do PIB. A economia brasileira cresceu 0,4% no segundo trimestre deste ano na comparação com o primeiro trimestre. O resultado afasta o risco de recessão técnica, o que significaria um sinal de alerta de que algo não vai bem com economia do país.

Publicidade