Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Meu filho pequeno pediu cigarro. É só curiosidade infantil?

A psicóloga Rosely Sayão tira a dúvida de uma mãe que ficou preocupada ao saber que a filha de apenas 6 anos gostaria de fumar

Por Da Redação Atualizado em 10 dez 2018, 17h46 - Publicado em 15 fev 2018, 10h00

A psicóloga Rosely Sayão responde a pergunta de uma mãe que se preocupou ao saber que a filha de apenas 6 anos gostaria de experimentar cigarro. “É só curiosidade infantil ou devo me preocupar?”, questionou a internauta.

Segundo a especialista, isso não é motivo para os pais se preocuparem: “Da mesma forma que a criança pede para comer um doce fora de hora e você diz não, você pode dizer em relação ao cigarro ‘ainda não, ainda não é hora’”. E ela alerta que o importante é os pais, não só darem a negativa, como também demonstrarem que se preocupam com os filhos. “Hoje, os pais fazem declarações de amor aos filhos, mas nem sempre eles conseguem perceber isso. Os pais chegam do trabalho cansados, sem paciência. No discurso, as crianças entendem que os pais as amam, mas na atitude nem sempre elas conseguem ver isso”.

Dúvidas sobre família, comportamento ou educação? Envie aqui. Rosely responde semanalmente.

  • Publicidade