Clique e assine a partir de 9,90/mês

Major Olímpio admite falhas do PSL com fake news e pede ‘reavaliação’

Major Olimpio foi o senador eleito que recebeu mais votos em todo o Brasil e foi entrevistado pelo Veja Eleições

Por Da Redação - Atualizado em 22 out 2018, 22h30 - Publicado em 22 out 2018, 19h35

Cada voto do agora senador eleito Major Olímpio custou apenas três centavos. Até o dia da eleição, Sérgio Olímpio Gomes não constava nas pesquisas com chances de ser eleito – perdia para o não eleito Eduardo Suplicy (PT) e para Mara Gabrili (PSDB). Mas numa das reviravoltas de primeiro turno recebeu o total de 9 039 717 votos e foi o senador mais votado do país – investindo apenas 297 000 em toda a campanha.

No Veja Eleições, o senador se disse “surpreso” pela quantidades de voto recebida. Em 2016, Major Olimpio concorreu para a prefeitura de São Paulo e recebeu pouco mais de 116 mil votos. “Surfei na onda Bolsonaro e cresci muito nas redes sociais. Este foi o segredo”, conta. “Achei que ia me eleger quando comecei a percorrer as linhas de metrô em São Paulo e vi que minha popularidade cresceu muito. As pessoas começaram a me reconhecer”, complementou.

Questionado sobre as Fake News nestas eleições, Major Olimpio reconheceu que houve erros dos partidos, inclusive do PSL, no qual é presidente em São Paulo. “Erramos com as fake news e precisamos sentar e reavaliar esse processo”, admite.

Publicidade