Clique e assine a partir de 9,90/mês

Estúdio Veja: Acordo entre Mercosul e UE é o mais importante da história?

Livre-comércio possibilita que 90% dos produtos brasileiros terão tarifa de importação zerada

Por Da Redação - 28 jun 2019, 18h03

O esperado acordo de livre-comércio firmado entre o Mercosul e a União Europeia nesta sexta-feira, após mais de 20 anos de negociações, foi muito comemorado pelo presidente Jair Bolsonaro no Twitter. “Esse será um dos acordos comerciais mais importantes de todos os tempos e trará benefícios enormes para nossa economia”, escreveu o presidente. No entanto, para Denise Chrispim, editora de Mundo de Veja.com “ainda é muito prematuro chegar a uma conclusão de que esse é um ‘super acordo’ ou se esse foi ‘o acordo possível’ entre os dois blocos”. Isso porque, a aprovação deve ter vindo com concessões por parte do lado brasileiro, que ainda não foram divulgadas.

Poucos são os detalhes do acordo divulgados até agora, mas, segundo o Ministério da Economia, o acordo permitirá a expansão de 87,5 bilhões de dólares no produto interno bruto (PIB) brasileiro em quinze anos. Considerando a redução esperada das barreiras não tarifárias e o aumento da produtividade dos fatores dos setores produtos do país, esse ganho poderá chegar a 125 bilhões de dólares.

A economista e professora do Insper, Juliana Inhasz, acredita que, no atual cenário econômico do país qualquer tipo de ganho vale a pena. “Vai gerar mais mercado, mais produção, sem pressionar tanto a economia doméstica e sem preços altos. Bolsonaro aposta alto porque o setor externo segurou muito a economia brasileira nos últimos anos”, afirma a especialista. O acordo também possibilitará que o Brasil ganhe outros parceiros comerciais em mercados que o país ainda não tinha espaço.

Publicidade