Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Como a Justiça brasileira amadureceu com a prisão de Lula

Acompanhe, no 'Estúdio VEJA', uma análise sobre as características do processo judicial que resultou na prisão do ex-presidente

Por Da Redação Atualizado em 10 abr 2018, 11h08 - Publicado em 10 abr 2018, 10h57

O juiz federal Sergio Moro determinou, na última quinta-feira (5), a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O petista tinha até as 17h de sexta para comparecer espontaneamente, mas não aceitou a oferta. No sábado, Lula partiu do aeroporto de Congonhas rumo a Curitiba, para cumprir pena em uma cela especial da Superintendência da PF na capital paranaense. Ele foi condenado a 12 anos e um mês de prisão, inicialmente em regime fechado.

No ‘Estúdio VEJA’, o editor Duda Teixeira recebe Gustavo Justino de Oliveira, professor de Direito Administrativo da USP, para comentar as características do processo judicial que levou à prisão do ex-presidente e analisar de que forma isso influenciou no amadurecimento da Justiça brasileira.

O professor afirma que Lula, como se verifica nas críticas personalizadas a Moro, construiu uma narrativa política – e este mesmo método foi adotado até mesmo na defesa apresentada por seus advogados durante o processo. “Houve uma preponderância do discurso político. Num processo judicial, se espera um parecer técnico-judicial. Foi um pouco kamikaze optar pela narrativa política. Desta forma, a condenação era esperada”

Lula é o primeiro presidente da República do Brasil preso por crime comum. Ele foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro.

A acusação é de que o ex-presidente foi beneficiado com o repasse de 3,7 milhões de reais para a compra e reforma do triplex no Condomínio Solaris em Guarujá (SP). Deste valor, uma parte teria sido utilizada para o armazenamento, entre 2011 e 2016, de presentes que Lula recebeu durante os mandatos como presidente.

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês