Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Voz às vítimas: os atingidos pela intolerância virtual

A disseminação do discurso do ódio tem prejudicado e sufocado as discussões nas redes sociais. VEJA entrevistou as vítimas da intolerância virtual.

Por Da Redação Atualizado em 10 dez 2018, 14h42 - Publicado em 30 jan 2017, 09h30

Racismo, machismo e homofobia são apenas alguns exemplos do tipo de intolerância sofrida por anônimos e por famosos. O youtuber Luba, a cantora Paula Lima e a atriz Sophia Abrahão detalham casos em que viraram alvo dos chamados de haters — apelido, no termo em inglês, daqueles que espalham o ódio pelas redes.

 

  • Publicidade