Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

As loucuras que as trintonas fazem para assistir ao show de Sandy & Junior

VEJA reuniu cinco fãs que fazem de tudo pela dupla; por exemplo, ir ao show grávida de nove meses

Por Da Redação - Atualizado em 11 out 2019, 20h09 - Publicado em 11 out 2019, 20h04

O retorno da dupla Sandy & Junior aos palcos vem quebrando recordes de bilheteria e faturamento. O público é formado em sua maioria por mulheres na casa dos trinta anos. Algumas fizeram loucuras para assistir aos irmãos ao vivo. Grávida de nove meses, Luciane Medeiros, de 33 anos, fez questão de ir ao Allianz Parque na noite do dia 24 de agosto, mesmo sabendo dos riscos e que poderia dar à luz a qualquer momento. A criança nasceu na manhã seguinte. “Pedi ao meu bebê que aguentasse mais alguns dias, pois precisava ir ao show”, conta.

As apresentações que marcaram a volta dos filhos de Xororó foram anunciados em março. Quando a dupla iniciou o périplo por onze capitais, em 12 de julho, as previsões mais otimistas se revelavam modestas — a própria Sandy achava que os interessados em rever os irmãos cantando pérolas como Imortal (“O que é imortal / Não morre no final”) lotariam, no máximo, um Credicard Hall, casa paulistana com capacidade para 7 000 espectadores. Passados quase sete meses, foram 35 milhões de reais de faturamento e mais de 500 000 ingressos vendidos.

Mas o fim da nostalgia está próximo. A dupla tocará apenas mais três vezes — duas em São Paulo, neste sábado, 12, e domingo, 13. E deverá encerrar a turnê no Rio de Janeiro no dia 9 de novembro.

Publicidade