Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Lula tenta reunificar a quadrilha

O perdão aos 'golpistas' pode acabar com a briga entre os larápios do PT e os gatunos do PMDB. Acompanhe o comentário do colunista Augusto Nunes

Por Da Redação Atualizado em 10 dez 2018, 14h27 - Publicado em 11 nov 2017, 06h09

“Estou perdoando os golpistas que fizeram essa desgraça com o país”, disse Lula a seus devotos no sermão de uma recente missa negra. Em seguida, voltou a torturar a verdade histórica e jurou que apenas seguia o exemplo de Juscelino Kubitschek, que anistiou duas vezes militares envolvidos em quarteladas contra o governo constitucional. O mentiroso compulsivo não se emenda. Com o perdão aos “golpistas“, o chefão quer reunificar  a quadrilha do Petrolão. Até a chegada da Lava Jato, todos roubaram juntos. A queda de Dilma separou os larápios do PT dos gatunos do PMDB.

  • Publicidade