Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

A aula de Dilma em San Diego: como assassinar o português

Ex-presidente ensina que a Justiça do Inimigo destrói uma pessoa cidadamente. Ou cidadanamente

Por Da Redação
20 abr 2018, 17h28

No meio do palavrório na Universidade Estadual de San Diego, Dilma Rousseff resolveu ensinar como funciona no Brasil o que batizou de Justiça do Inimigo: “É quando você usa a lei e os processos legais para não destruir fisicamente, mas destruir civil e cidadamente uma pessoa”.

Nem fez uma pausa para corrigir: “cidadanamente”. Além de não explicar o que é Justiça do Inimigo, a ex-presidente conseguiu assassinar a língua portuguesa com a invenção de duas palavras que nenhum dicionário registra: cidadamente e cidadanamente.

Os idiotas , como constatou Nelson Rodrigues, estão por toda parte. Mas só no Brasil do PT dois imbecis juramentados chegaram à Presidência da República.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.