Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Twitter e Facebook já investigam ataque de hackers

O Twitter e o Facebook, duas das ferramentas sociais mais populares hoje na internet, já começam a investigar nesta quinta-feira as causas da instabilidade em seus serviços, depois da confirmação de ataques coordenados por hackers.

“Tivemos problemas de rede relacionados a um ataque de negação de serviço. O serviço agora está restaurado para a maioria das pessoas e estamos investigando o que aconteceu”, diz a mensagem mais recente postada pelo perfil do Facebook no Twitter.

O serviço de 140 caracteres, por sua vez, já havia confirmado no início da manhã de quinta-feira que sofrera um ataque semelhante. “À medida que nos recuperamos, os usuários vão experimentar algumas vezes maior tempo de carregamento e lentidão. Estamos trabalhando para voltar a 100% o mais rapidamente possível”, confirmou Biz Stone, um dos fundadores do Twitter, no blog oficial da ferramenta.

Ainda na noite de quinta-feira, o serviço aparentemente já havia sido restabelecido, sem nenhuma instabilidade.

O ataque realizado pelos hackers é conhecido como “negação de serviço” (DoS) e tem o objetivo de deixar todo e qualquer site indisponível a qualquer pessoa que acessa a internet.