Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Turistas brasileiros trocam guias impressos por smartphones e tablets na hora de planejar seus roteiros

Levantamento afirma que entre as práticas mais comuns nos dispositivos móveis estão a compra de passagens e a pesquisa de preços de hotéis

Por Renata Honorato 28 nov 2012, 09h57

O TripAdvisor, serviço colaborativo de recomendação turística, divulgou nesta quarta-feira um estudo sobre os hábitos brasileiros no uso de plataformas móveis no planejamento de roteiros. Segundo a pesquisa, realizada com 2.300 pessoas, 42,8% dos usuários do site usam tablets na hora de organizar suas viagens, enquanto 61,6% definem seus roteiros através de um smartphone.

Leia também:

TripAdvisor busca parcerias para crescer mais no Brasil

Entre as práticas mais comuns, mostra o levantamento, estão atividades como compra de passagens, pesquisa de preços de hotéis, consulta a opiniões de outros viajantes e reservas de restaurantes.

Para o britânico Angus Struthers, diretor de comunicação global do TripAdvisor, o crescimento no acesso de brasileiros ao site mostra como ferramentas colaborativas têm ganhado a confiança da população local. “Temos cerca de 900.000 usuários brasileiros por mês visitando nosso site e uma média de crescimento de audiência de 90% ao ano na região”, diz o executivo, que trabalha no escritório da empresa em Londres.

Continua após a publicidade

Do total de voluntários entrevistados que disseram utilizar tablets e smartphones na organização de suas viagens, 64% afirmaram possuir pelo menos um aplicativo do gênero instalado em seus dispositivos.

Para atender esse público, a empresa americana, cuja sede fica em Massachusetts, decidiu apostar forte em programas para tablets e smartphones. Os aplicativos da família TripAdvisor, que incluem também as marcas City Guides e SeatGuru, já foram baixados mais de 26 milhões de vezes em todo o mundo. “Nossa audiência via dispositivos móveis já é de 35 milhões de usuários únicos por mês”, ressalta Struthers.

Facebook – O estudo comprovou ainda o desejo dos brasileiros em compartilhar suas experiências, mesmo quando longe de casa. Dos 2.300 entrevistados para a pesquisa, 82,5% disseram usar seus dispositivos móveis durante suas viagens. Publicar fotos e usar a internet estão entre as atividades mais comuns. O site mais acessado durante os passeios, como já era de se imaginar, é o Facebook.

A adesão aos aplicativos turísticos só não é maior no Brasil em razão da falta de infraestrura. Para 63,7% dos voluntários ouvidos pelo TripAdvisor, as conexões 3G são instáveis. Outro motivo de reclamação para os brasileiros são as altas tarifas de roaming. Segundo 57% dos entrevistados, o valor cobrado pela conexão fora da região de origem é exorbitante.

O estudo realizado pela companhia, que recentemente incluiu o Brasil em seu mapa estratégico, evidencia também a queda de popularidade dos tradicionais mapas e guias impressos. Para mais de 56% dos usuários, os aplicativos mudaram seus hábitos durante as viagens, já que facilitam a localização e a pesquisa de pontos turísticos para visitar. “Os mapas e guias continuam ajudando os turistas a organizar suas viagens, mas essas soluções não conseguem reunir a mesma quantidade de informação de um site especializado. No nosso caso, por exemplo, recebemos mais de 60 reviews de usuários por minuto”, diz Struthers.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês