Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Superfície de cidade é deslocada em 80 cm após terremoto

As marcas deixadas pelo terremoto que atingiu a fronteira do estado da Califórnia (Estados Unidos) com o México no dia 4 de abril deste ano foram registradas pelos radares da NASA. O terremoto entrou para a história por ter sido o maior registrado na região – 7,2 na escala Richter – desde 1892. As imagens impressionantes da agência espacial americana mostram como o tremor causou alterações na superfície da cidade de Calexico (Califórnia), movendo-a 80 cm em direção ao sul.

Cientistas do laboratório de propulsão da NASA usaram um sistema chamado UAVSAR (Uninhabited Aerial Vehicle Synthetic Aperture Radar) para analisar a deformação da superfície. O radar é instalado em uma aeronave que voa a 12.000 km de altura e mede pequenas diferenças na distância entre ela e o chão, em múltiplos voos. Ao comparar dados de 2009 com outros recolhidos após o terremoto, a equipe da NASA conseguiu ter uma idéia sobre como a paisagem foi alterada.

A imagem mostra parte da área afetada, com os dados da NASA sobrepostos em uma tela capturada do Google Earth. As linhas vermelhas mostram falhas tectonicas graves enquanto os pontos vermelhos, amarelos e laranjas mostram regiões onde ocorreram os tremores. As estrias de cor mostram mudanças graduais na paisagem. As regiões mais pixeladas (quadriculadas) mostram lugares que foram estraçalhados pelo terremoto.