Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Redes sociais motivam amizade e atividade política

Levantamento ouviu 2.225 usuários de Facebook, Twitter, LinkedIn e MySpace

Por Da Redação 17 jun 2011, 11h55

As redes sociais estão aprimorando as relações interpessoais e incentivando a atividade política de seus usuários, aponta pesquisa do instituto americano de análises Pew Research Center. O estudo, publicado nesta quinta-feira, ouviu 2.255 adultos nos Estados Unidos e concluiu que usuários de sites de relacionamento são confiáveis, têm amigos mais próximos e são mais engajados politicamente. Foram considerados cadastrados no Facebook, Twitter, LinkedIn e MySpace.

“Houve muita especulação sobre o impacto das redes sociais. Grande parte dela se focou na possibilidade de os sites prejudicarem os relacionamentos interpessoais e de afastarem as pessoas dos acontecimentos ao redor”, disse o autor principal do relatório, Keith Hampton. “Descobrimos o exato oposto. Usuários de sites como Facebook mantêm relações mais ativas e são mais propensos a se envolver em atividades cívicas e políticas.”

O levantamento mostra ainda que o apoio emocional oferecido por amigos nas redes supera o proporcionado por um parceiro – como namorada ou mulher – em uma relação estável. “As pessoas usam os serviços para manter contato com seus melhores amigos e conhecidos distantes”, disse Hampton.

Os dados também são animadores quando o assunto é atividade política. Os usuários de redes sociais são duas vezes e meia mais propensos a participar de encontros com essa finalidade. Além disso, 57% deles estão mais dispostos a tentar convencer alguém a mudar de voto.

(Com informações da agência Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade