Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Microsoft e Apple incentivam doações on-line ao Japão

Concorrentes se mobilizam na internet para ajudar as vítimas do terremoto

A Microsoft e a Apple, duas gigantes americanas do setor de tecnologia, se mobilizaram na rede no intuito de enviar doações às vítimas do terremoto que destruiu várias províncias no Japão.

A companhia de Bill Gates se concentrou no Twitter e usou a conta de seu serviço de buscas, o Bing, para espalhar uma mensagem de apoio ao país. Para participar da campanha, cujo objetivo é enviar ao Japão ao menos 100.000 dólares em donativos, basta que o internauta dê um retuíte no perfil @bing. Cada RT, explica a companhia, representará uma doação no valor de um dólar.

A comunidade on-line não aprovou a condição de retuíte imposta pela companhia e pediu para que a empresa pare de explorar a tragédia japonesa de forma oportunista para marketing. Em resposta à reação, a Microsoft usou o próprio Twitter para se desculpar e afirmou já ter doado os 100.000 dólares às vítimas.

Já a Apple preferiu usar a sua influência sobre os consumidores para pedir a colaboração popular através de um novo recurso implementado em sua loja virtual iTunes. Por meio de um espaço dedicado às doações, o usuário pode enviar ao Japão cinco, dez, 25, 50, 100 ou 200 dólares, que serão debitados no cartão de crédito cadastrado no serviço. A Apple promete enviar o dinheiro arrecadado à instituição Cruz Vermelha, que neste momento trabalha em prol das vítimas do terremoto no Japão.