Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Microsoft deverá levar 400 funcionários do Yahoo

A Microsoft deverá levar pelo menos 400 funcionários do Yahoo caso a parceria entre as duas empresas for aprovada pelo governo americano. A informação consta em documentos revelados na quarta-feira sobre o acordo fechado na semana passada. Entre as determinações, o texto determina que o site de buscas receba 150 milhões de dólares para cobrir eventuais custos decorrentes da transição para a nova tecnologia.

Segundo reportagem da agência de notícias Associated Press, assim que a Microsoft assumir o controle dos resultados de busca e de publicidade do Yahoo, os funcionários do buscador receberão ofertas de emprego na gigante dos softwares. O Yahoo, que divulgou a informação, não especificou quantos de seus 13.000 empregados receberão a proposta. A transição deverá começar no próximo ano.

Os termos da negociação deverão obrigar a Microsoft a pagar 50 milhões de dólares anuais durante os primeiros três anos do contrato, cuja duração total é de uma década. O montante deverá suplementar os lucros do Yahoo, segundo maior buscador do mundo, com os anúncios que acompanham as pesquisas. Juntos, Microsoft e Yahoo ficarão com 30% do mercado americano, contra 65% abocanhado pelo Google, segundo estimativas da comScore.