Clique e assine a partir de 9,90/mês

Lenovo apresenta smartphone com câmera para ‘selfie’ de 13 megapixels

Chinesa aposta em telas grandes e câmeras com boa resolução para conquistar mercado global

Por Da Redação - 5 set 2014, 12h54

A Lenovo, maior fabricante de computadores do mundo, apresentou nesta quinta-feira o Vibe Z2 e o Vibe X2, novos smartphones da marca. O Vibe Z2 possui tela de 5,5 polegadas com resolução HD e uma câmera frontal de 13 megapixels, especialmente preparada para ‘selfies’, autorretratos compartilhados por meio das redes sociais. Os produtos possuem recursos similares a smartphones avançados de marcas como Samsung e LG e devem ajudar a Lenovo a se tornar mais competitiva no mercado móvel.

Leia também:

Motorola renova receita de sucesso do Moto G e Moto X

Motorola é nossa nova IBM, diz executivo da Lenovo

Lenovo quer repetir com celular receita de sucesso de PCs

Continua após a publicidade

Os novos smartphones foram exibidos pela companhia chinesa durante um evento em Berlim, na Alemanha, onde será realizada a partir desta sexta-feira a IFA, principal feira de eletrônicos da Europa. Além da tela grande e da câmera frontal, o Vibe Z2 vem com sistema operacional Android 4.4 ou KitKat, a versão mais recente liberada pelo Google. Ele é equipado com 2 GB de memória RAM e processador Snapdragon de 1,4 GHz com quatro núcleos, com arquitetura de 64 bits. O modelo é compatível com redes 4G e vai custar 429 euros em países europeus.

O outro modelo, chamado de Vibe X2, oferece uma tela de 5 polegadas com resolução Full HD. Apesar da menor resolução, o X2 tem uma câmera frontal de 5 megapixels com lente grande angular, que permite tirar fotos similares aos resultados obtidos com a câmera de aventura GoPro. A câmera traseira fotografa com resolução de 13 megapixels. O aparelho pode ser personalizado com quatro capas coloridas. Em países europeus, o X2 vai custar 399 euros.

Os dois smartphones chegam às lojas da China ainda este mês. A Lenovo disse que novas regiões receberão os aparelhos em outubro, mas não especificou quais serão esses países. Ainda não há informações sobre o lançamento do produto no Brasil, onde a Lenovo ainda não atua no mercado de smartphones.

A Lenovo é a maior fabricante de computadores pessoais no mundo, a quarta maior no segmento de smartphones e a terceira em tablets. Segundo Colin Giles, diretor de vendas da Lenovo, a empresa vai ampliar sua participação global em smartphones, quando a aquisição da Motorola for aprovada por órgãos reguladores dos Estados Unidos e da China. A conclusão do negócio deve ocorrer até o final do ano. “Quando a integração das companhias se concretizar, vamos estar preparados para desafiar ‘os peixes grandes’ da mobilidade”, disse Giles.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade