Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Funcionários da Apple terão 50% de desconto na compra do Apple Watch

Oferta é uma forma de agradecimento, diz Tim Cook — mas não valerá para o modelo de luxo

Por Da Redação 6 abr 2015, 19h46

O CEO da Apple Tim Cook enviou, nesta segunda-feira, um comunicado interno para informar que todos os seus funcionários terão descontos de 50% na compra dos modelos Apple Watch Sport e Apple Watch. O documento foi exposto pelo site especializado em notícias de bastidores da companhia americana, 9to5Mac.

Segundo Cook, o preço promocional é uma forma de agradecer aos empregados da Apple por terem se empenhado no projeto. A oferta estará disponível a partir de sexta-feira, dia 10 de abril, a mesma data em que serão iniciadas as encomendas do relógio em nove países de quatro continentes (Alemanha, Austrália, Canadá, China, Estados Unidos, França, Hong Kong, Japão e Reino Unido), e se encerrará em noventa dias. O desconto não valerá para o modelo de luxo Apple Watch Edition.

Leia também

Com relógio de ouro, Apple entra de vez no mercado de luxo

Apple Watch chega às lojas dia 24 de abril; Brasil está fora da lista

No mesmo comunicado, o líder da Apple revelou que, desde que a App Store começou a aceitar aplicativos de desenvolvedores, há menos de uma semana, mais de mil pedidos chegaram à central. A oferta de 50%, afirmou Cook, é uma forma de facilitar o acesso dos funcionários à nova experiência de usar os apps por meio do relógio no dia a dia.

Os relógios da Apple começarão a ser entregues dia 24 de abril. Três versões estarão à venda. A mais simples, chamada Apple Watch Sport, de liga de alumínio, custará 349 dólares (o modelo com quadro de 38mm) e 399 dólares (42mm). A versão intermediária, de aço, é a Apple Watch, que pode ter suas partes customizadas, com preços que começam em 549 dólares e vão até 1.099 dólares. A terceira e mais cara, a Apple Edition, feita com outro de 18 quilates, terá unidades limitadas e será vendida em lojas selecionadas por preços que variam de US$ 10.000 a US$ 17.000.

No último dado oficial de funcionários da Apple, de dezembro de 2014, a companhia afirmou que possuía 72.800 empregados fixos. Até onde se sabe, o desconto não valerá para prestadores de serviço.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês