Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Facebook pode comprar aplicativo WhatsApp

Segundo o Techcrunch, Mark Zuckerberg já está negociando a aquisição do serviço, usado por mais de 100 milhões de pessoas no mundo

O Facebook pode dar mais um passo em direção às plataformas móveis. Segundo informação do site especializado em tecnologia TechCrunch, a rede social estuda a aquisição do aplicativo de mensagens WhatsApp.

Leia também

Facebook enfrenta desafio à sua altura: a mobilidade

Facebook cruza dados de usuário da rede e do Instagram

O CEO e fundador da rede, Mark Zuckeberg, já teria entrado em contato com a empresa responsável pelo serviço gratuito de mensagens. As negociações ainda não foram concretizadas.

Caso a operação seja confirmada, será a segunda compra de grande porte feita pelo Facebook neste ano envolvendo produtos totalmente dedicados às plataformas móveis, setor que a companhia dedica mais atenção. Em abril, a rede adquiriu a ferramenta de edição e compartilhamento de fotos Instagram por 1 bilhão de dólares.

Criado em 2009 por Brian Acton e Jan Koum, dois ex-funcionários do Yahoo, o WhatsApp é um dos projetos mais bem-sucedidos no universo dos dispositivos móveis. Disponível em 100 países e para os sistemas operacionais iOS (Apple), Android (Google), BlackBerry, Symbian e Windows Phone, o aplicativo alcançou em outubro a marca de 1 bilhão de mensagens trocadas em um só dia. Estima-se que 100 milhões de pessoas já aderiram ao recurso.

Leia mais:

‘Facebook tem objetivos agressivos para o Brasil’, diz chefão da rede social na AL

Do zero ao 1 bilhão: o Facebook em números

‘Se eu fosse Mark Zuckerberg, compraria a Blackberry’, diz analista