Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Duolingo lança ‘personal trainer’ de ensino de idiomas

Maior plataforma de aprendizado de línguas do mundo cria recurso para definir metas — e mascote do serviço vai cobrar para que elas sejam concluídas

Por Rafael Sbarai 12 dez 2013, 10h09

O Duolingo – maior plataforma colaborativa de aprendizado de idiomas do mundo – anuncia nesta quinta-feira um recurso que permite a seus usuários definir metas pessoais durante o aprendizado de uma língua. O serviço, espécie de “personal trainer” do ensino, está disponível para os módulos de aprendizado de espanhol, italiano, francês, alemão e português para pessoas fluentes em inglês – e inglês como idioma básico para quem fala qualquer outro idioma além destes cinco.

Leia também:

Duolingo abre plataforma para ensino de qualquer idioma – até os fictícios

Brasil se aproxima do topo do ranking do serviço de ensino de idiomas Duolingo

Interpretado pelo mascote do serviço Duo (corujinha), o Treinador de Idiomas (Language Coach, em inglês) terá o papel de um professor particular gratuito que auxilia os cadastrados a determinarem suas metas e cumpri-las. Duo vai avisar, por exemplo, se alguma tarefa não foi completada na data prevista – e vai cobrar para que ela seja concluída. “O recurso veio em boa hora. Aprender novos idiomas é uma das mais populares resoluções de ano. Vai inspirar pessoas de todo o mundo”, afirmou ao site de VEJA o guatemalteco Luis von Ahn, de 34 anos, que criou o Duolingo em 2011. Hoje, o serviço conta com 16 milhões de usuários – 2 milhões são brasileiros. O país tem o maior contingente de usuários, atrás apenas dos Estados Unidos.

Outro recurso acrescido será a loja virtual, que fornecerá aos usuários a possibilidade de adquirir artigos virtuais para personalizar a experiência no serviço. A moeda será virtual, os Lingots, que serão enviados aos usuários que concluírem tarefas sem cometer erros, por exemplo, ou até mesmo os que realizarem e treinarem exercícios diariamente. Tanto a loja virtual quanto o Treinador de Idiomas estão disponíveis primeiro nas versões web e para iOS (Apple) – a expectativa é que smartphones e tablets com sistema operacional Android (Google) ganhem a nova versão nos próximos meses.

Continua após a publicidade
Publicidade