Clique e assine a partir de 9,90/mês

Cofundador do Paypal se desfaz de ações do Facebook

Investidor pioneiro e membro da diretoria da rede social, Peter Thiel negociou seus papéis entre 19 e 21 dólares

Por Da Redação - 21 ago 2012, 12h43

Peter Thiel, um dos primeiros investidores do Facebook e membro da diretoria da rede social, vendeu a maior parte de suas ações, revelou nesta segunda-feira um relatório enviado à autoridade reguladora do mercado de ações americana (U.S. Securities and Exchange Commission, SEC). Entre quinta e sexta-feira da semana passada, Thiel vendeu 20,06 milhões de ações do Facebook em várias transações, a preços que variaram entre 19,02 e 20,7 dólares, segundo o documento entregue à SEC.

Leia também:

Facebook perde mais da metade de seu valor em 3 meses

Após IPO, usuários conhecerão novo Facebook

Continua após a publicidade

Facebook faz maior IPO de tecnologia da história

“É doloroso acompanhar queda das ações”, diz Zuckerberg

O volume de ações que permanece com Thiel não foi informado. Segundo a revista Forbes, antes das operações de venda, ele possuía 23,6 milhões de ações “classe A”, negociáveis no mercado.

Na quinta-feira passada, os papéis sofreram outra forte queda na Bolsa de Nova York, recuando a 19,87 dólares, quase a metade de seu valor de lançamento, há três meses. Os papéis do Facebook recuaram após a liberação de 271 milhões de novas ações para comercialização, depois de um período de bloqueio determinado pela estreia na Bolsa.

Continua após a publicidade

(Com agência AFP)

Publicidade