Clique e assine a partir de 9,90/mês

China testa novo disfarce digital para censurar internet

ONG que estuda liberdade na web diz que governo no país criou modelo que dá falsa impressão de que massacra da Paz Celestial pode ser debatido livremente

Por Da Redação - 1 jun 2013, 15h18

Especialistas da organização GreatFire.org, que estuda o cerceamento de conteúdo digital na China, garantiram neste sábado que as autoridades do país fingem abrandar a censura da internet com o objetivo de dar a impressão aos usuários de que o massacre na Praça da Paz Celestial, que completa 24 anos no próximo dia 4, pode ser debatido livremente no universo digital.

Leia mais:

China ordena que empresas ajudem na censura à internet

China intensifica censura na internet após escândalo político

Continua após a publicidade

(Com agência AFP)

Publicidade