Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Carro inteligente é alvo fácil de hackers, diz relatório

Automóveis de 16 montadoras apresentam falhas graves de segurança, segundo documento revelado pela equipe do senador americano Ed Markey

Quase todos os carros capazes de se conectar à internet são vulneráveis a ataques de hackers, que podem roubar dados pessoais ou assumir o controle do automóvel, alertou um documento revelado hoje pela equipe do senador democrata americano Ed Markey.

O levantamento analisou 16 empresas automobilísticas que atuam nos Estados Unidos: BMW, Chrysler, Ford, General Motors, Honda, Hyundai, Jaguar Land Rover, Mazda, Mercedes-Benz, Mitsubishi, Nissan, Porsche, Subaru, Toyota, Volkswagen e Volvo.

Leia também:

Alemanhã usará rodovia só para testar carros inteligentes

Segundo o informe, os hackers podem acessar o veículo por meio de conexões sem fio Bluetooth, do assistente automotivo OnStar, de um vírus em um smartphone Android conectado ao veículo ou até mesmo de um CD infectado lido por um sistema de áudio do automóvel. “Apesar de estarmos mais conectados do que nunca em nossos carros, nossos sistemas de informação têm muito pouca proteção”, afirmou Markey em comunicado.

O relatório ressaltou que, mesmo com estudos anteriores mostrando em 2013 e 2014 que os hackers poderiam tomar o controle de alguns carros conectados e fazer com que acelerassem ou freassem bruscamente, nenhuma medida foi tomada para acabar com essas vulnerabilidades.

Agora, diz o relatório, as montadoras se comprometeram a “fornecer proteções reforçadas das informações mais sensíveis”, que vão “além das adotadas em outros setores”

(Com AFP)