Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Uma em 3 mortes é por doença cardiovascular em SP

Com 33,6% do total de óbitos na cidade, as doenças cardíacas mais presentes são o infarto, o acidente vascular cerebral e a hipertensão

São Paulo é a capital do país que tem a maior proporção de mortes por doenças do sistema circulatório (33,6%), em comparação com outras causas de óbito. Isso significa que a cada três falecimentos por causa conhecida na cidade, um foi motivado por problemas de saúde ligados a esse grupo de patologias – infarte, acidente vascular cerebral (AVC), hipertensão arterial, entre outros. Os números foram tabulados pelo Jornal da Tarde com base na edição 2010 dos Indicadores e Dados Básicos (IDB), que foi divulgado neste mês e traz dados consolidados para 2009.

De acordo com o presidente da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp), Luiz Antonio Machado Cesar, essa proporção deve ser interpretada levando em conta múltiplos fatores. Segundo ele, essas porcentagens são semelhantes às observadas em países desenvolvidos. Nesse perfil, a taxa de mortalidade por doenças infecciosas e parasitárias é mais baixa, assim como por causas externas (acidentes ou violência). Por outro lado, a proporção de mortes por doenças cardiovasculares e câncer, que aumentam conforme a população envelhece, é mais alta.

Cesar acrescenta que, apesar de ter importantes hospitais de referência na área de cardiologia, a cidade também apresenta periferias desassistidas de centros médicos especializados. �”São Paulo é uma cidade cosmopolita, que tem tanto uma classe A forte como uma classe que mora na periferia e que sofre muito por não ter atendimento adequado a tempo”�, diz. Para ele, �muita gente deixaria de morrer se tivesse um atendimento de emergência melhor para enfarte e AVC�.

(Com Agência Estado)

Clique nas perguntas abaixo para saber mais sobre problemas cardíacos:

  • Causas e sintomas
  • Prevenção e tratamento

Ricardo Pavanello, supervisor de cardiologia do Hospital HCor. Ricardo Pavanello, supervisor de cardiologia do Hospital HCor. Ricardo Pavanello, supervisor de cardiologia do Hospital HCor. Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo

Quais são os principais problemas cardíacos?

Como se caracterizam os principais problemas cardíacos?

O que é mal súbito?

(Fabiano – Colombo/Paraná)

Quais são as principais causas dos problemas cardíacos?

Quais problemas cardíacos são congênitos?

Quais são os problemas congênitos mais comuns?

O sal ajuda a controlar a pressão arterial?

Por que hoje os problemas no coração são a causa número 1 de mortes?

Quem tem colesterol alto tem mais chances de sofrer problemas cardíacos?

(Paula Estevam – São Paulo – SP)

Quais sinais podem indicar problemas no coração?

  • Quais são os principais problemas cardíacos?
  • Como se caracterizam os principais problemas cardíacos?
  • O que é mal súbito?

    (Fabiano – Colombo/Paraná)

  • Quais são as principais causas dos problemas cardíacos?
  • Quais problemas cardíacos são congênitos?
  • Quais são os problemas congênitos mais comuns?
  • O sal ajuda a controlar a pressão arterial?
  • Por que hoje os problemas no coração são a causa número 1 de mortes?
  • Quem tem colesterol alto tem mais chances de sofrer problemas cardíacos?

    (Paula Estevam – São Paulo – SP)

  • Quais sinais podem indicar problemas no coração?

Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo

A partir de que idade é preciso fazer exames e quais devem ser feitos?

(André Luis Silva, Caldas Novas – GO)

Quem é obeso deve procurar um cardiologista?

Que tipo de alimentação pode diminuir as chances de problemas cardíacos?

Quais os alimentos mais prejudiciais ao coração?

Como calcular corretamente a frequência cardíaca para a prática de exercícios físicos?

(Mel Falcão – Feira de Santana – BA)

Que tipo de cuidados as pessoas que já têm problemas cardíacos precisam ter?

Quem tem problemas cardíacos pode praticar esportes?

O que fazer para baixar ou aumentar a pressão arterial em situações de emergência?

Como ajudar uma pessoa que está sofrendo um ataque cardíaco?

  • A partir de que idade é preciso fazer exames e quais devem ser feitos?

    (André Luis Silva, Caldas Novas – GO)

  • Quem é obeso deve procurar um cardiologista?
  • Que tipo de alimentação pode diminuir as chances de problemas cardíacos?
  • Quais os alimentos mais prejudiciais ao coração?
  • Como calcular corretamente a frequência cardíaca para a prática de exercícios físicos?

    (Mel Falcão – Feira de Santana – BA)

  • Que tipo de cuidados as pessoas que já têm problemas cardíacos precisam ter?
  • Quem tem problemas cardíacos pode praticar esportes?
  • O que fazer para baixar ou aumentar a pressão arterial em situações de emergência?
  • Como ajudar uma pessoa que está sofrendo um ataque cardíaco?

*O conteúdo destes vídeos é um serviço de informação e não pode substituir uma consulta médica. Em caso de problemas de saúde, procure um médico.