Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Transplante de útero mais perto da realidade

Por Da Redação
22 out 2009, 08h50

Cientistas britânicos afirmam que o transplante de útero em humanos deverá se tornar realidade dentro de dois anos. O anúncio, feito durante uma conferência sobre fertilidade nos Estados Unidos, oferece uma alternativa a mulheres que desejam engravidar, mas que nasceram sem útero ou tiveram que retirá-lo devido a doenças como câncer.

A esperança surgiu após um estudo de uma equipe de pesquisadores de Londres, Nova York e Budapeste, que conseguiram solucionar um problema crucial nesse tipo de procedimento: como manter a irrigação do órgão transplantado. Mas o experimento, liderado por Richard Smith, do hospital Hammersmith, foi feito apenas em coelhos.

A pesquisa envolveu cinco coelhos doadores e cinco receptores, operados no Royal Veterinary College, em Londres, através de uma técnica que conecta os principais vasos sanguíneos, inclusive a aorta. Dos animais que receberam o órgão, dois sobreviveram por mais dez anos após o transplante – e morreram por causas não ligadas à operação.

Caso testes em animais maiores também apresentem bons resultados, mulheres impossibilitadas de engravidar por ausência de útero ganharão uma alternativa à barriga de aluguel ou à adoção. De acordo com os pesquisadores, elas terão que se submeter à fertilização in vitro e só poderão dar à luz por meio de cesariana. Além disso, mesmo que bem sucedido, o transplante será temporário, para evitar rejeição do organismo. O tempo, contudo, será suficiente para suportar uma gestação.

Em 2000, uma saudita de 26 anos foi a primeira mulher a receber um transplante de útero, mas um dos vasos que irrigava o órgão desenvolveu um cóagulo e ele teve que ser removido três meses depois.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.