Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

SP: pessoas acima de 60 anos podem receber doses remanescentes de vacinas

Na capital paulista os interessados devem inscrever-se no posto de saúde mais próximo de suas residências

Por Mariana Rosário Atualizado em 1 mar 2021, 11h57 - Publicado em 25 fev 2021, 16h43

Dada a escassez de imunizantes na atual campanha de vacinação contra a Covid-19, cada dose é extremamente valorizada e desperdícios — que naturalmente ocorrem no trabalho com produtos perecíveis — têm sido remediados com as chamadas “xepas” da vacina.

Na cidade de São Paulo, pessoas acima de 60 anos podem procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima (são 468) para inscrever-se na lista de espera para receber doses remanescentes — ou seja, as aplicações que sobram ao fim do dia e não podem ser novamente refrigeradas para uso no dia seguinte, por conta do período de validade. O interessado deve ir ao posto de saúde com documento de identificação, que comprove sua idade, e um comprovante de residência.

LEIA TAMBÉM: Como interpretar um estudo científico?

“O maior esforço é não deixar sobrar, tendo unidades de imunizantes disponíveis chamaremos os interessados”, disse o secretário da pasta, Edson Aparecido. Ele afirmou que não adianta aguardar na porta dos postos, mas sim inscrever-se e esperar o contato por parte da unidade de saúde. Aparecido afirmou que a expectativa é que todas as pessoas acima de 60 anos sejam vacinados até, no máximo, o mês de maio. Atualmente, a capital paulista completou a imunização dos idosos acima dos 85 anos e deve iniciar a vacinação entre 80 e 84 anos no próximo sábado, 27.

Continua após a publicidade
Publicidade