Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

SP alerta viajantes sobre risco de contrair cólera no exterior

Por Da Redação 29 ago 2011, 13h00

Por Solange Spigliatti

São Paulo – A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo está alertando os viajantes que vão para o exterior sobre o risco de contrair cólera em determinadas regiões, principalmente nos países da África, no Haiti e República Dominicana.

Para evitar que a doença chegue ao Brasil, o Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE) da Secretaria recomenda que os paulistas tenham cuidados ao visitar lugares onde exista o risco da infecção, como beber água potável ou água mineral engarrafada de procedência segura. Também prefira alimentos industrializados, embalados, ou então feitos na hora e servidos quentes.

Países da África do Sul, como Luanda e Somália, estão vivendo epidemias de cólera. Além disso, o Brasil tem suas tropas em missão de paz no Haiti, que também tem casos da doença, assim como mantém convênios de ensino com o país, especialmente de atividades agrícolas para jovens haitianos. A Republica Dominicana, onde há casos de cólera confirmados, também vem sendo muito procurada para turismo.

O cólera é uma doença contagiosa transmitida por meio da ingestão de água ou alimento contaminado por fezes ou vômito de um doente. Provoca fortes diarreias líquidas (com aspecto de “água de arroz”), vômitos, desidratação e cãibras nas pernas. Se excessivamente desidratado, há risco de morte. São mais suscetíveis à doença moradores de locais onde não há saneamento básico.

No Brasil, o cólera foi introduzido em 1991, depois de ter chegado ao litoral do Peru. Uma das suspeitas é que a água de lastro de navios tenha sido a intermediária. A doença atingiu seu pico no Brasil em 1993, quando se notificaram 60.340 casos, de acordo com dados do Ministério da Saúde. O último caso foi registrado em 2005. No Estado de São Paulo não há registro de casos desde 2000.

Solange Spigliatti

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)