Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

São Paulo já soma 50 mortos por gripe A

O estado de São Paulo registrou 13 novas mortes causadas pela gripe A nesta terça-feira. Um boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde informa que subiu para 50 o número de mortos pela doença no estado. No Paraná, as mortes subiram de quatro para 25 nesta terça, com a divulgação de 21 novas vítimas fatais. O Rio de Janeiro registrou mais três mortes. Com as novas confirmações, chega a 129 o número de mortos pela doença no país.

Segundo a Secretaria de Saúde de São Paulo, as 13 novas vítimas são: uma mulher de 42 anos, moradora da capital; uma mulher de 22 anos que morava na região de Bauru e era portadora de diabetes; uma mulher obesa de 20 anos, moradora da Grande São Paulo; uma mulher de 40 anos, moradora da Grande São Paulo; uma mulher de 21 anos que tinha bronquite a asma e morava na capital; um homem de 34 anos da Grande São Paulo; uma mulher de 39 anos, moradora da Baixada Santista e que sofria de epilepsia; uma adolescente de 17 anos que estava grávida de gêmeos e morava na região de Campinas � ela foi submetida a uma cesárea de emergência e os bebês passam bem -; uma mulher obesa de 30 anos, moradora da região de Campinas; um homem de 48 anos que morava na capital e sofria de hipertensão arterial severa; uma mulher de 55 anos, moradora da cidade de São Paulo; uma gestante de 37 anos, moradora da região do Vale do Paraíba e um homem de 30 anos que morava na capital, era obeso e tinha problemas hepáticos.

Mais cedo, a Secretaria de Saúde de Campinas registrou a sexta morte por contaminação pelo vírus A (H1N1) no município. Trata-se de uma mulher de 63 anos, que faleceu no dia 29 de julho. Já em São Caetano, na Grande São Paulo, foi confirmada a morte de Ana Neri Hernandez, de 42 anos, que morreu em 29 de julho na capital paulista. Ela era auxiliar de primeira infância de uma escola municipal, e foi afastada do trabalho em 21 de julho após apresentar os sintomas da doença. A Secretaria Estadual não confirma se essas duas mortes já constam no novo balanço.

O estado do Paraná registrou 21 mortes causadas pela gripe A em um só dia nesta terça. A Secretaria Estadual de Saúde não forneceu detalhes a respeito das vítimas, nem sequer a cidade onde moravam. O governo do estado explicou que o aumento repentino no número de confirmações ocorreu devido à maior agilidade na divulgação dos resultados dos exames, que começaram a ser feitos pelo Laboratório Central do Estado (Lacen) na semana passada. O Paraná tem agora 25 vítimas fatais da doença.

No Rio de Janeiro, a Secretaria Estadual de Saúde confirmou nesta terça que mais três pessoas morreram vítimas da doença – duas na capital e uma na cidade de Pinheiral. Já em São Paulo, as cidades de São Caetano do Sul e Campinas anunciaram uma morte cada.

Segundo boletim da Secretaria de Saúde do Rio, os pacientes mortos eram: uma mulher obesa de 32 anos que morreu em 23 de julho, uma mulher de 33 anos que sofria de bronquite e morreu em 25 de julho – ambas da cidade do Rio, e um homem de 30 anos, hipertenso, que morava em Pinheiral e morreu em 22 de julho. O estado registra, até o momento, 19 mortes pela doença.