Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Por que dormir menos de 7 horas por dia engorda

Estudos mostram que dormir pouco ou mal estimula a fome e a vontade de comer alimentos calóricos

Boa notícia para as pessoas que vivem brigando com a balança e adoram dormir: dormir bem pode ajudar na dieta. É comum associarmos emagrecimento a dietas e exercícios e esquecermos um fator essencial para o controle do peso: o sono. De acordo com uma revisão de dezenas de estudos realizada recentemente pela universidade King’s College London, dormir menos de sete horas por noite leva as pessoas a comerem muito mais, segundo informações da rede britânica BBC.

Para testar essa teoria e ver de que forma a falta de sono afeta o apetite das pessoas, o programa Trust me, I’m a doctor (“Confie em mim, sou médico”, em tradução livre para o português) da BBC, realizou um pequeno experimento com quatro voluntários. No teste, três deles tiveram o sono frequentemente interrompido por um bebê de brinquedo pré-programado para chorar regularmente. 

No dia seguinte, os voluntários que tiveram o sono interrompido diversas vezes comeram mais do que o habitual no café da manhã e/ou escolheram alimentos menos saudáveis. Já o participante que dormiu normalmente fez sua refeição como de costume.

Mas, por quê isso acontece?

De acordo com os pesquisadores, uma noite mal dormida afeta dois hormônios-chave relacionados à fome: aumenta a produção de grelina, provocando um aumento do apetite; e suprime a leptina, responsável pela sensação de saciedade.

Além dessa “perigosa” combinação, estudos sugerem que, em um estado de privação do sono, há maior ativação de áreas do cérebro associadas com recompensa. Isso pode fazer com que você escolha alimentos com maior teor de açúcar e gordura, ao invés de opções mais saudáveis.

Por isso, a recomendação dos médicos do programa da BBC é: se você tem problemas para manter o peso ou para resistir à tentação de alimentos menos saudáveis, tentar dormir mais e melhor pode ser uma forma fácil, barata e agradável de fazer a diferença na dieta.