Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Pesquisa mostra como o sono ruim prejudica o relacionamento de um casal

Estudo encontrou uma relação entre noites maldormidas e problemas entre casais, como falta de afeto pelo parceiro e sentimento de rejeição

Por Da Redação 21 jan 2013, 10h47

Casais que estão enfrentando dificuldades no relacionamento deveriam avaliar a qualidade de seu sono, já que, segundo as conclusões de uma nova pesquisa americana, dormir mal pode ser um dos culpados por indivíduos se sentirem rejeitados pelos seus parceiros. O estudo, baseado nos relatos de mais de 60 casais, foi apresentado neste final de semana no encontro anual da Sociedade para Psicólogos Sociais e da Personalidade, em Nova Orleans, nos Estados Unidos.

Leia também:

Cansaço e stress no trabalho são as principais causas para a falta de desejo sexual masculino

De acordo com Amie Gordorn, pesquisadora da Universidade da Califórnia, Berkeley, dormir pouco e mal pode fazer com que as pessoas se tornem mais egoístas sem perceberem, já que elas perdem o humor e se sentem cansadas demais para ser gentis e atenciosas com o parceiro – que, por sua vez, passa a se sentir rejeitado. Ela percebeu isso após avaliar mais de 60 casais formados por pessoas entre 18 e 56 anos.

Gratidão – A pesquisa foi realizada em duas partes: na primeira, a equipe reuniu os participantes e pediu que eles relatassem se dormiram bem ou mal na noite anterior e, depois, enumerassem as cinco coisas pelas quais se sentiram mais gratos. Segundo os autores do estudo, os indivíduos que afirmaram ter tido uma noite de sono ruim foram aqueles que menos incluíram os seus parceiros na lista da gratidão.

Em um segundo momento da pesquisa, os casais foram orientados a manter, durante duas semanas, um diário no qual relatavam seus padrões de sono e de que maneira acreditavam que uma noite maldormida deles e de seus parceiros afetava seus relacionamentos. Eles também descreveram seus sentimentos em relação ao parceiro.

De acordo com os pesquisadores, dormir mal aumenta a propensão de um indivíduo sentir-se mais egoísta e demonstrar pouco afeto em relação a seu parceiro. Além disso, as pessoas se sentem menos apreciadas por seus companheiros se um dos dois dormiu mal. “Um sono ruim não é uma experiência que afeta somente uma pessoa. Em vez disso, ela interfere nas nossas relações com outros indivíduos”, diz Gordon.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)