Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

País volta a sofrer com a baixa umidade nesta quarta-feira

O índice deve se aproximar dos 20% – bem aquém do mínimo de 60% considerado o ideal para a saúde da população

A umidade relativa do ar vai continuar muito baixa nas regiões Centro-Oeste e Sudeste do país nesta quarta-feira, de acordo com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Cptec). O índice deve se aproximar dos 20% – bem aquém do mínimo de 60% considerado o ideal para a saúde da população. A massa de ar seco que cobre o país também deve garantir tempo quente e ensolarado.

São Paulo e Rio de Janeiro estão entre as cidades mais afetadas. A capital paulista – que amanhece coberta por uma densa camada de poluição – chegou a registrar 16% de umidade relativa do ar na terça-feira, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da prefeitura. A cidade entrou em estado de alerta pela terceira vez.

Segundo as previsões meteorológicas, a população deve seguir padecendo de problemas respiratórios em função do clima seco por mais algum tempo. Para evitar maiores complicações, especialistas alertam que é ideal manter-se hidratado e evitar a prática de atividades físicas ao ar livre nos horários em que o Sol estiver mais forte – das 11h às 16h. Na hora de dormir, baldes de água e toalhas molhadas ao lado de cama podem aliviar o desconforto. Fazer inalações e umidificar o nariz com soro fisiológico ao longo do dia também pode ajudar.