Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

ONU critica projeto de lei na China que proíbe soropositivo em banheiros públicos

Medida quer obrigar banheiros públicos e spas do país a colocar cartazes informando que é proibida a entrada de pessoas infectadas pelo HIV

O Unaids, programa da Organização das Nações Unidas (ONU) para combater o HIV, declarou nesta segunda-feira que é contra um projeto de lei chinês que pretende proibir a entrada de pessoas infectadas pelo vírus da aids nos spas e banheiros públicos do país. A medida, que foi divulgada pelo governo da China em seu site, obrigaria esses ambientes a colocar cartazes avisando sobre a proibição da entrada de “pessoas portadoras de uma doença de transmissão sexual, do vírus HIV e de doenças contagiosas da pele”.

Vídeo: Especialista tira dúvidas sobre formas de contágio da aids

“A Unaids recomenda que sejam retiradas do projeto de lei as restrições do acesso aos banheiros públicos, spas e a outros estabelecimentos similares para os soropositivos”, disse Hedia Belhadj, coordenadora do programa das Nações Unidas na China. Segundo as estimativas deste da Unaids, há 780.000 pessoas infectadas pelo HIV no país.

Contágio – Segundo Caio Rosenthal, infectologista do hospital Emílio Ribas, as principais formas de contágio do vírus HIV são por meio de agulhas e seringas contaminadas, relações sexuais sem uso de preservativo e de uma mulher grávida infectada para o seu bebê. “Para haver uma transmissão de HIV, é necessário um contato muito íntimo. Lágrimas, saliva, suor e urina, por exemplo, têm HIV, mas não transmitem o vírus”, diz o médico.

(Com AFP)