Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Manaus: sepultamentos por Covid-19 aumentaram de 6 para 88 em um mês

Prefeitura dobrou o número de carros que fazem serviço funerário; sistema de saúde entrou em colapso por falta de oxigênio

Por Mariana Rosário 15 jan 2021, 16h46

Manaus, a capital do Amazonas, enfrenta a dura repetição de uma tragédia: tornou-se, mais uma vez, o epicentro da pandemia da Covid-19 no Brasil. O impacto do vírus pode ser percebido no número de sepultamentos na cidade, divulgado pela prefeitura.

De acordo com um levantamento realizado por VEJA, o número de enterros passou de 6, em 14 de dezembro, para 88 na última quinta-feira, 14. O dado exemplifica o aumento de óbitos em relação à doença ao longo das últimas semanas. A escalada de sepultamentos começou a ocorrer a partir de 3 de janeiro, quando essa taxa estava em 21 registros e, desde então coleciona altas. É importante ressaltar que esses dados dizem respeito a casos confirmados de Covid-19 e, em alguns dias, a poucos quadros suspeitos. É possível que as taxas sejam ainda maiores, considerando os pacientes não notificados com a doença.

De acordo com o governo do Amazonas, o aumento de incidência da Covid-19 no estado foi responsável pelo desabastecimento de oxigênio na rede de saúde local. Para evitar um colapso funerário, a prefeitura aumentou o número de carros que fazem a remoção do programa SOS Funeral, que faz cortejo, remoção, translado fúnebre e doação de urna funerária, na capital.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)