Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Japoneses desenvolvem teste que detecta ebola em 30 minutos

Método utilizado atualmente leva até duas horas para fornecer diagnóstico. Além disso, é mais caro e complexo do que o criado no Japão

Cientistas japoneses desenvolveram um método mais simples, barato e rápido de diagnosticar o ebola. Segundo os especialistas, a técnica é capaz de detectar o vírus no sangue do paciente em trinta minutos, enquanto a abordagem utilizada atualmente leva até duas horas. Em anúncio feito nesta terça-feira, a equipe disse que o teste já está pronto para ser enviado a países atingidos pela atual epidemia da doença, que já causou mais de 1 500 mortes no oeste africano.

De acordo com os cientistas, que são da Universidade de Nagasaki, o método utilizado atualmente para diagnosticar o ebola pela corrente sanguínea exige um material muito específico e caro, que nem sempre está disponível em regiões mais pobres.

Leia também:

OMS: ebola pode infectar 20.000 pessoas em nove meses

Laboratório vai testar vacina contra ebola em humanos

Coordenador da equipe, o cientista Jiro Yasuda explica que o novo método “exige apenas um equipamento que possa ser aquecido com uma bateria e que custa algumas centenas de dólares, um preço que os países em desenvolvimento podem pagar”. A técnica japonesa revela visualmente apenas os genes específicos do vírus do ebola encontrados em uma amostra de sangue ou em qualquer outro fluido corporal.

Embora o teste já esteja pronto, os cientistas ainda não receberam nenhum pedido dos países afetados.

(Com AFP)