Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Exposição a sujeira, germes e pelos pode proteger bebês contra alergia e asma

Em estudo, recém-nascidos que cresceram em casas com grande quantidade de bactérias tinham menos problemas respiratórios do que aqueles de residências mais limpas

Recém-nascidos expostos a pelos de animais de estimação e ratos, fezes de baratas e uma variedade de bactérias domésticas no primeiro ano de vida podem estar mais protegidos contra alergias, chiado no peito e asma aos 3 anos de idade. A revelação é de um estudo publicado nesta sexta-feira no periódico Journal of Allergy and Clinical Immunology.

CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Effects of early-life exposure to allergens and bacteria on recurrent wheeze and atopy in urban children

Onde foi divulgada: periódico Journal of Allergy and Clinical Immunology

Quem fez: Susan Lynch, Robert Wood, Homer Boushey, Leonard Nacharier, Gordon Bloomberg, Meyer Kattan e outros

Instituição: Johns Hopkins Children’s Center, Universidade de Washington, nos Estados Unidos, entre outras

Resultado: Recém-nascidos expostos a pelos de animais de estimação e ratos, fezes de baratas e bactérias domésticas podem estar mais protegidos contra alergias, chiado no peito e asma no futuro

A pesquisa confirma dados anteriores de que crianças que moram em centros urbanos são mais propensas à asma e à alergia do que aquelas de zonas rurais, mas traz uma revelação: os pequenos cercados por alérgenos e bactérias antes do primeiro ano de vida estão mais protegidos contra essas condições do que suscetíveis a elas. Segundo os autores do estudo, a descoberta pode ajudar a criar estratégias para prevenir asma e alergia.

“Nosso estudo mostra que o timing de exposição inicial (aos alérgenos) pode ser crucial”, afirma Robert Wood, autor do estudo e chefe da Divisão de Alergia e Imunologia do Johns Hopkins Children’s Center. “Isso nos diz que não apenas muitas das nossas respostas imunológicas são formadas no primeiro ano de vida, mas também que certas bactérias e alérgenos desempenham um papel importante em estimular e treinar o sistema imune.”

Leia também:

Estudo relaciona asma e alergias ao TDAH

Acupuntura é eficaz em tratar alergia, diz estudo

Especialista tira dúvidas sobre alergia infantil