Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Exercício com música diminui as quedas entre idosos

A dança deixa o passo mais firme e pode melhorar a movimentação do corpo

Um grupo de idosos suíços recebeu a proposta de incrementar sua rotina de exercícios semanais – com música. Ao som de piano durante seis meses, eles conseguiram reduzir o número de quedas pela metade. Isso porque a música firma o passo e melhora muito o balanço e a movimentação do corpo.

Para a experiência, a equipe de Andrea Trombetti, da Faculdade de Medicina de Geneva, selecionou 134 pessoas na faixa etária dos 75 anos. Os voluntários foram submetidos a sessões de atividades físicas uma vez por semana, ao longo de seis meses. Uma parte deles teve que coordenar a atividade com músicas de piano. Os treinos incluíam andar no tempo da música e responder a mudanças de ritmo, que ficavam gradualmente mais difíceis.

Ao fim do estudo, o grupo que seguiu o treinamento normal sofreu um total de 54 quedas – o que representa uma taxa de 1,6 queda por pessoa/por ano. Já entre os que praticaram exercício com música, esse número caiu para 0,7 (24 tombos). Quando os grupos foram trocados, em uma repetição da experiência, o porcentual de quedas também se inverteu.

Os cientistas concluíram, portanto, que a experiência “sugere que esse programa pode ser útil para prevenção de quedas e a reabilitação em comunidades, como centros para idosos”. Resta saber se os homens aceitarão dançar ao ritmo da música, já que apenas seis dos voluntários não eram mulheres. A pesquisa foi publicada no jornal Archives of Internal Medicine.