Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Epidemia de gripe faz Nova York declarar estado de emergência

Segundo órgão de saúde oficial dos Estados Unidos, a doença no país atingiu proporções epidêmicas e já causou 20 mortes de crianças neste inverno

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, declarou neste sábado estado de emergência por causa da epidemia de gripe que atinge a região – a pior dos últimos quatro anos, segundo o americano. Cuomo ainda deu permissão para que os farmacêuticos administrem doses de vacina contra a gripe para mais pessoas do que o estipulado anteriormente. O anúncio do governador foi feito um dia após autoridades federais e oficiais dos Estados Unidos terem declarado que a rápida propagação da gripe no país havia atingido proporções epidêmicas. De acordo com o Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC, sigla em inglês), órgão de saúde americano, a epidemia já deixou 20 crianças mortas em todo o país.

Leia mais

Em VEJA de 02/01/2013: Gripe não é brincadeira

Segundo informações do gabinete do governador de Nova York, até agora, 19.128 casos de gripe foram relatados no estado desde o início deste inverno – no último ano, foram registrados 4.404 casos em toda a estação. Desde 5 de janeiro, 2.884 pacientes diagnosticados com gripe foram hospitalizados no estado. O total de internações no inverno de 2011 foi de 1.169. “Estamos vivendo a pior temporada de gripe desde 2009, e a atividade da doença no estado é generalizada, com casos notificados em todos os municípios de Nova York”, afirmou Cuomo.

Vacinações – A partir do anúncio do governador, os farmacêuticos de Nova York estão temporariamente autorizados a também vacinar contra a gripe pacientes com idades entre seis meses e 18 anos. Uma lei estadual proíbe as farmácias de vacinar pessoas dessa faixa etária, permitindo a imunização apenas a indivíduos com mais de 18 anos. A nova recomendação também foi feita pelo CDC a todo o país. Cuomo garantiu que o estado fará de tudo para garantir que todos os habitantes tenham acesso à vacina e pediu a todos os moradores que ainda não foram imunizados que o façam logo.