Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Entrega de vacinas prevista para agosto é 56% maior que a de julho

Ministério da Saúde estima receber 63,3 milhões de doses no próximo mês, contra 40,4 milhões fornecidas neste mês

Por Giulia Vidale 22 jul 2021, 19h36

De acordo com o cronograma de entregas de vacina do Ministério da Saúde, divulgado na quarta-feira, 21, são esperadas para o mês de agosto 63,3 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19. A quantidade é cerca de 56% maior do que a cota prevista para o mês de julho, que conta com 40,4 milhões de imunizantes.

A conta da pasta considera 10 milhões de doses da vacina de Oxford-AstraZeneca, fornecidas pela Fiocruz; 20 milhões de doses da CoronaVac, fornecidas pelo Instituto Butantan e 33,3 milhões de doses da Pfizer-BioNTech, enviadas pela própria farmacêutica. Para o período de setembro a dezembro estão previstas mais 360,8 milhões de vacinas.

Se o cronograma for cumprido, esse será o recorde de  entrega de vacinas ao país e permitirá aumentar ainda mais o ritmo de vacinação, que atualmente é de, em média, 1.9 milhões de doses por dia, segundo levantamento da Bloomberg.

Confira o avanço da vacinação no Brasil:

 

Continua após a publicidade
Publicidade