Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Veja Essa

As frases que marcaram a semana

Em cima do presente do que os atletas estão fazendo, digo que a equipe está fazendo por merecer estar entre os favoritos.

Tite, técnico da seleção brasileira, em legítimo “titês”, medindo as palavras, durante evento no Rio, ao falar da Copa do Mundo na Rússia. Já classificado, o Brasil enfrenta a Bolívia na quinta-feira 5, em La Paz

 

Só fiz a festa em Portugal porque não pude fazer em casa. Quando fiz 50 anos, convidei todos os amigos, gente do Executivo, do Legislativo, do Judiciário. Tinha vários senadores, governadores, ministros de tribunais, ex-presidente. Hoje não dá para fazer isso.

Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, advogado-celebridade, explicando, no jornal 'Folha de S.Paulo', por que comemorou seu sexagésimo aniversário em Lisboa. Duzentas e vinte pessoas estiveram lá, incluindo dezoito criminalistas, como ele (leia o artigo de Roberto Pompeu de Toledo)

Ninguém quer sair na foto com o Brasil.

Rubens Ricupero, diplomata, ex-ministro do Meio Ambiente e da Fazenda, no jornal 'Folha de S.Paulo'. Ricupero está lançando o livro 'A Diplomacia na Construção do Brasil: 1750-2016'

O ex-embaixador Rubens Ricupero continua fiel à própria lei: esconde o que é ruim e mostra o que é bom. (…) Ricupero se mostra desantenado, escondendo fatos e propagandeando falsidades.

Nota do Palácio do Planalto, respondendo a Ricupero com alusões ao episódio em que o embaixador fez uma autoanálise devastadora, sem saber que sua fala era captada por parabólicas: “Eu não tenho escrúpulos. O que é bom a gente fatura; o que é ruim, esconde”. Levantamento de VEJA, realizado em junho, mostrou que Ricupero tem razão: o número de visitas de chefes de Estado ao país desabou nos últimos anos

Depois desse episódio (o petrolão), é muito fácil entender que uma empresa estatal é vulnerável à captura por políticos corruptos. Não há assunto de liberalismo nisso. Há assunto de Código Penal.

Gustavo Franco, economista, ex-presidente do Banco Central, ao defender as privatizações num seminário em Belo Horizonte
MILAN, ITALY - SEPTEMBER 24: Gisele Bundchen, winner of The Vogue Eco Laureate Award, poses backstage at The Green Carpet Fashion Awards, Italia, at Teatro Alla Scala on September 24, 2017 in Milan, Italy. (Photo by David M. Benett/Dave Benett/Getty Images for Eco-Age) “Obrigada Stella McCartney, pelo vestido lindo e sustentável, feito de viscose de origem sustentável de florestas certificadas da Suécia.”

“Obrigada Stella McCartney, pelo vestido lindo e sustentável, feito de viscose de origem sustentável de florestas certificadas da Suécia.” (David M. Benett/Dave/Getty Images)

Obrigada, Stella McCartney, pelo vestido lindo e sustentável, feito de viscose de origem sustentável de florestas certificadas da Suécia.

Gisele Bündchen, top model, sustentando, no Instagram, agradecimento à estilista britânica pela roupa com que compareceu à sustentável entrega do prêmio Eco Laureate, dado à gaúcha na Semana da Moda de Milão em reconhecimento à sua militância ambiental. Gisele vem sustentando críticas a Temer nessa frente — atacou, por exemplo, o decreto, revogado agora pelo governo, de extinguir a Renca

O tempo inteiro eles falavam sobre descendência africana, e eu fui ficando pequenininha, cheia de vergonha, porque no Brasil a gente nem sequer se chama de afrodescendente. (…) A diferença entre os EUA e o Brasil é um abismo na questão racial.

Tais Araújo, atriz, comentando, no Canal Brazil Talk, sua participação na Africa Week da Universidade Columbia, em Nova York. Na mesma cidade, Tais e o marido, o ator Lázaro Ramos, foram homenageados pela organização Mipad (Most Influential People of African Descent), que elege os 100 mais influentes afrodescendentes do mundo com menos de 40 anos — os dois têm 38

A deficiência da nossa educação está tomando proporções muito radicais. Isso vai desde quem está sendo colocado no poder (…) até o tipo de pensamento para o qual a população está batendo palmas.

Andreia Horta, atriz, em 'O Globo'

É como dizem: ‘Nós, humanos, fazemos planos, e Deus ri’.

Steven Tyler, vocalista da banda americana Aerosmith, em comunicado em que anunciou o cancelamento de shows programados para a América do Sul, incluindo o Brasil, por problemas de saúde — ou devido ao humor divino

Publicado em VEJA de 4 de outubro de 2017, edição nº2550