Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Vereadores de São Paulo querem dar medalha a Haddad

A sete meses da eleição, projeto concede Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão da cidade de São Paulo ao pré-candidato pelos "relevantes trabalhos desenvolvidos na área de educação na cidade"

Por Thais Arbex
28 mar 2012, 10h04

A sete meses da eleição municipal, o pré-candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, assinou na Câmara de São Paulo um termo em que concorda em receber a Medalha Anchieta, uma das honrarias concedidas pela Casa a autoridades e pessoas que se destacaram na capital paulista.

O projeto foi apresentado pelo vereador Francisco Chagas no dia 28 de fevereiro. Além da medalha, Chagas também quer dar a Haddad um Diploma de Gratidão da cidade de São Paulo pelos “relevantes trabalhos desenvolvidos na área de educação na cidade”. Haddad assinou o termo na tarde desta terça-feira.

O vereador apresentou como justificativa da homenagem apenas um minicurrículo do ex-ministro da Educação, sem dar detalhes dos projetos implantados na capital paulistana.

“Nomeado ministro da Educação do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, implantou o chamado Novo Enem, que passou a ter peso maior nos processos seletivos das universidades brasileiras. Durante a gestão de Haddad, o MEC transformou o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na principal porta de acesso às universidades e à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica”, diz a justificativa.

Continua após a publicidade

Campanha – Para que Haddad receba a homenagem, porém, o projeto precisa ser aprovado por três comissões permanentes – Constituição e Justiça, Educação, Cultura e Esportes e Finanças e Orçamento – e pelo plenário da Casa. Neste momento, o projeto está na comissão de Constituição de Justiça, que é presidida pelo vereador petista Arselino Tatto.

Em 2010, durante a campanha presidencial, os vereadores de São Paulo concederam a então candidata do PT, Dilma Rousseff, título de cidadã paulistana.

Haddad foi recebido na presidência da Câmara paulista pelo presidente José Police Neto (PSD) e por diversos líderes partidários da Casa.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.