Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Veja os candidatos mais votados para o Legislativo em SP e no Rio

Eduardo Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro, recebeu 1,8 milhão de votos para deputado federal em São Paulo e superou recorde que pertencia a Enéas

Por Da Redação 8 out 2018, 00h18

Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do presidenciável Jair Bolsonaro, bateu o recorde de votos absolutos para a Câmara dos Deputados, com mais de 1,8 milhão recebidos em São Paulo. Trata-se da maior votação desde a redemocratização do país. Há quatro anos, Eduardo foi eleito para o seu primeiro mandato com pouco mais de 82 mil votos.

O recordista de votos anterior para a Câmara era Enéas Carneiro, que concorreu à Presidência da República três vezes pelo extinto Prona. Em 2002, Enéas se elegeu com 1,5 milhão de votos.

A candidata Janaína Paschoal (PSL) — que ficou conhecida como a advogada do impeachment de Dilma Rousseff (PT), por ter sido coautora do pedido de afastamento da ex-presidente — foi a deputada mais votada para a Assembleia Legislativa de São Paulo, com mais de 2 milhões de votos.

No Rio de Janeiro, o deputado estadual mais votado também é do PSL. Rodrigo Amorim é um dos dois homens que destruíram uma placa de rua de homenagem à ex-vereadora Marielle Franco (PSOL), assassinada em março deste ano.

  • Saiba quem são os deputados federais mais votados em São Paulo e no Rio de Janeiro:

    SÃO PAULO:

    • Eduardo Bolsonaro (PSL):        1,843 milhão
    • Joice Hasselmann (PSL):          1,078 milhão
    • Celso Russomano (PRB):            521 mil
    • Kim Kataguiri (DEM):                  465 mil
    • Tiririca (PR):                                453 mil
    • Tabata Amaral (PDT):                 264 mil
    • Policial Kátia Sastre (PR):            263 mil
    • Sâmia Bonfim (Psol):                  249 mil
    • Capitão Augusto (PR):                242 mil
    • Pastor Marco Feliciano (Pode):  239 mil

    RIO DE JANEIRO:

    • Hélio Fernando Barbosa (PSL):        345 mil
    • Marcelo Freixo (Psol):                      341 mil
    • Alessandro Molon (PSB):                 228 mil
    • Carlos Jordy (PSL):                           204 mil
    • Flordelis (PSD):                                197 mil
    • Daniela Waguinho (MDB):              136 mil
    • Otoni de Paula (PSC):                      120 mil
    • Luiz Lima (PSL):                               115 mil
    • Talíria Petrone (Psol):                      107 mil
    • Delegado Antônio Furtado (PSL):   104 mil

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade