Clique e assine a partir de 8,90/mês

Uma família generosa com o PMDB

Por Da Redação - 5 jan 2016, 15h47

Herdeiros do conglomerado de logística Libra, os irmãos Ana Carolina Borges Torrealba e Rodrigo Borges Torrealba doaram, cada um, 500.000 reais à Direção Nacional do PMDB nas eleições de 2014. Graças a brecha incluída por Eduardo Cunha em 2013, o Libra obteve um benefício inédito na nova Lei dos Portos e pôde renovar a concessão de administração de uma área do porto de Santos, apesar da dívida que tem com a União. A renovação do acordo foi garantida pelo deputado Edinho Araújo (PMDB-SP), aliado de Michel Temer, em seus últimos dias no comando da Secretaria Especial de Portos (SEP).

Ana Carolina e Rodrigo, no entanto, não foram os únicos da família a serem generosos com o partido comandado por Temer em 2014. Zuleika Borges Torrealba, mãe deles e filha do fundador do grupo Libra, doou um milhão de reais à Direção Nacional do PMDB. Gonçalo e Celina Torrealba, também filhos de Zuleika, doaram 250.000 reais cada um ao PMDB do Rio de Janeiro, que tem Cunha entre seus caciques. (João Pedroso de Campos, de São Paulo)

Publicidade