Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Temer nega pagamentos e diz defender ‘profunda investigação’

Presidente convocou reunião de emergência no Palácio do Planalto

Diante do escândalo político provocado pelas revelações, em delação premiada, do empresário Joesley Batista, o presidente Michel Temer negou ter pedido para que fosse comprado o silêncio do deputado cassado Eduardo Cunha, ex-presidente da Câmara preso em Curitiba, e disse defender “profunda investigação” sobre as acusações de Batista. Em acordo de delação premiada firmada com a Procuradoria-Geral da República, o dono da JBS gravou um áudio em que Temer aparece dando aval para o pagamento de uma mesada a Cunha e ao operador Lúcio Funaro, segundo informações divulgadas pelo jornal O Globo na tarde desta quarta-feira.

Depois das revelações, Temer convocou uma reunião de emergência no Palácio do Planalto e, em seguida, divulgou a seguinte nota:

“O presidente Michel Temer jamais solicitou pagamentos para obter o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha. Não participou e nem autorizou qualquer movimento com o objetivo de evitar delação ou colaboração com a Justiça pelo ex-parlamentar.
O encontro com o empresário Joesley Batista ocorreu no começo de março, no Palácio do Jaburu, mas não houve no diálogo nada que comprometesse a conduta do presidente da República.

O presidente defende ampla e profunda investigação para apurar todas as denúncias veiculadas pela imprensa, com a responsabilização dos eventuais envolvidos em quaisquer ilícitos que venham a ser comprovados”.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. carlos alberto Brandao

    Solução para a crise política: Convocar eleições diretas imediata – fechar o congresso nacional afastando da proxima eleição todos os políticos envolvidos em crimes – convocar uma nova constituinte retirando previlégios dos politicos – acabar com a farra dos partidos politicos – diminuir o numero de ministerios para 12 – acabar com a indicação politica para ministerios…. Enfim teremos um novo Brasil sem corruptos

    Curtir

  2. Francisco Martins

    Só há uma forma de comprovar quem está dizendo o quê: a gravação!!!
    Solta a fita!!!

    Curtir

  3. Valdeci dos santos

    Possivelmente há centenas ou milhares de gravações de conversas heterodoxas. Só não vêm a público porque aquele que grava tem, também, o rabo preso. É só a casa cair e começam a aparecer.

    Curtir

  4. Sei não! mas acho que nesse exato momento o Michel Treme! kkkk!

    Curtir