Clique e assine a partir de 9,90/mês

Substituto de Jean Wyllys também é ativista pela causa LGBT

David Miranda, do PSOL, é vereador no Rio de Janeiro e obteve 17.356 votos. Ele é casado com o jornalista americano Glenn Greenwald

Por Giovanna Romano - Atualizado em 24 jan 2019, 18h45 - Publicado em 24 jan 2019, 16h55

O substituto de Jean Wyllys (PSOL-RJ) na Câmara dos Deputados será o vereador do Rio de Janeiro David Miranda (PSOL). Neste ano, David tentou uma vaga no Congresso e obteve 17.356 votos. Não foi o suficiente para que fosse eleito diretamente, mas garantiu a vaga de primeiro suplente dos parlamentares do PSOL.

Assim como Jean, Miranda também é jornalista de formação e ativista pelos direitos das populações LGBT e negra.

Jean Wyllys anunciou nesta quinta-feira, 24, que desistiu de assumir o terceiro mandato como parlamentar pelo Rio de Janeiro em virtude de ameaças contra sua vida. Ele afirmou que viverá fora do Brasil. “Preservar a vida ameaçada é também uma estratégia da luta por dias melhores”, escreveu.

O deputado reeleito era o único parlamentar que se identificava como homossexual no Congresso Nacional. Miranda também se identifica como gay e é casado com o jornalista americano Glenn Greenwald, conhecido mundialmente pelas reportagens sobre a espionagem ilegal da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA, na sigla em inglês), feitas com base em dados fornecidos pelo ex-analista Edward Snowden.

Publicidade