Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Senador de Roraima xinga general responsável pela acolhida de venezuelanos

Telmário Mota, que critica a política de recepção aos refugiados, afirmou que o militar é 'um m****' e é responsável pelo caos em Roraima

Em vídeo divulgado em grupo de WhatsApp, o senador Telmário Mota (Pros-RR) chama o general Eduardo Pazuello – coordenador da operação de acolhimento de venezuelanos em Roraima – de “frouxo” e “covarde”.

A mensagem foi dirigida à blogueira Daniella Assunção, que costuma defender o militar e criticar o político e sua mulher, a ex-deputada Suzete Macedo de Oliveira, que, em 2016, chegou a ser presa, acusada de envolvimento com um esquema de corrupção no governo do estado. De acordo com Mota, o processo já prescreveu.

Procurado por VEJA na noite desta quinta, 19, o senador disse ter gravado e postado o vídeo horas antes, depois de ler, no mesmo grupo de WhatsApp, posts em que Daniella o ofendia. Ressaltou que, na mensagem, não citou nominalmente o general, por não ter certeza de que o ele era a fonte das críticas. Afirmou, porém, que a reação da blogueira mostrou a responsabilidade de Pazuello no episódio. “Não tenho dúvida de que foi ele”, declarou. “Joguei uma casca de banana e ele vestiu a carapuça”.

Segundo Mota, Daniella escrevera que ele seria processado pelo militar.

No vídeo, o senador sugere que a blogueira diga para o “seu general” que ele “é um general de m****”. “Venha ele me ofender, me enfrentar, esse frouxo. Não mande você ofender a Suzete”, afirma. “Manda esse general de m**** me atacar, esse m****”, provoca.

Ainda acusa o militar de não ter resolvido a situação dos venezuelanos em Roraima e que ele está criando “o maior caos” no estado. Segundo ele, Pazuello “esconde” os foragidos quando ocorre alguma fiscalização por lá.

À reportagem, o senador levantou suspeitas sobre eventual superfaturamento em despesas ordenadas pelo comandante da Operação Acolhida. Ele também criticou a política de recepção aos venezuelanos que, para ele, deveriam ser ajudados em seu próprio país.

Em mensagens postadas também nesta quinta, Daniella disse que o senador deveria ir “chupar um canavial de rola”.

 (Reprodução/Reprodução)

Em outro post, o classifica de amigo do ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, e afirma que seu mandato de senador é ” a única m**** em Roraima”.

 (Reprodução/Reprodução)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Luiz Chevelle

    Valentão com imunidade parlamentar.

    Curtir