Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Senador Alvaro Dias promete oposição a Temer

Considerado um dos grandes nomes da oposição no Congresso Nacional, o senador Alvaro Dias, que trocou o PSDB pelo PV no começo do ano, diz que não será aliado em eventual governo de Michel Temer. Ele afirmou que já nota uma “vontade incrível” por parte de integrantes do PMDB de “sentar na cadeira antes da hora” – embora ele próprio já considere o impeachment de Dilma Rousseff um fato consumado. “Eu sou oposição e não pretendo mudar de lado. Se houver um governo da Dilma ou do Michel Temer, muda apenas o presidente, mas o governo é o mesmo”, diz. Segundo ele, o PMDB é sócio majoritário da atual “massa falida”. “Essa herança maldita foi oferecida ao povo brasileiro também pelo PMDB”, disse, acrescentando que o partido ocupou o maior espaço no “latifúndio do aparelhamento brasileiro”. Questionado sobre a estratégia da oposição caso o impeachment seja aprovado na Câmara, ele diz que agirá com a maior eficiência possível, tentando motivar o Senado a decidir rapidamente. “Isso deve acontecer depois do mês de maio.” (Luís Lima, de Brasília)